domingo, 18 de março de 2018

5º DOMINGO DA QUARESMA ANO B


O neste quinto Domingo da Quaresma, a primeira nos mostra que  a profecia de Jeremias aponta para Nova Aliança, que será estabelecida por Deus com seu povo (Jr.31,31) esta é a única vez que todo o Antigo Testamento em que aparece o termo "Nova Aliança".

A novidade desta Alinça que será estabelecida residirá no modo como o Senhor a realizar´s: infundindo a sua graça nos corações dos fiéis, a fim de que seja capazes de corresponder ao seu chamado.


O evangelho de João, Jesus nos diz: “Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo que cai na terra não morre, ele continua só um grão de trigo; mas, se morre, então produz muito fruto” (Jo 12,24) – Jesus  propõe a Nova e Eterna Aliança, a partir da parábola do grão de trigo. Preservar-se a si mesmo é chegar diante de Deus somente com o “si mesmo” inicial. Mas doar-se inteiramente pelo outro, ainda que seja um processo doloroso, é chegar diante de Deus por meio dos frutos, eis a realização plena da aliança de Deus conosco.

João nos apresenta Jesus em Jerusalém, próximo da Hora da Cruz, Jesus mesmo vai doar-se por nós, como  verdadeira comida e verdadeira bebida. Ele em nós, nós nele no mesmo espírito de entrega total.

Uma boa semana e continuemos como
nossa oração em preparação a páscoa.

quarta-feira, 14 de março de 2018

4º ANOS DE NOSSA PARÓQUIA



A paroquia cristo rei convida você e sua família para participar da Missa de Ação de Graças pelos 4 anos de paroquia, que acontecerá dia 16 de março as 19h:30min na comunidade São Benedito localizada na avenida 01, Quadra Especial, Lote 03 - Bairro dos Minérios, no qual estará presente nosso Bispo Diocesano Dom Vital Corbellini, nosso querido Pároco Padre Hudson Rodrigues, padres da cidade, autoridades e todo povo de Deus.

A paróquia Cristo Rei foi criada em no dia 16 de março do ano 2014, por Dom Vital Corbellini onde decertou a criação da quarta paróquia em Parauapebas-PA, pelo decerto em conformidade com o cânon 1427.1 do código de Direito Canônico: decidimos criar a nova paróquia dedicada a Cristo Rei, para proporcionar um atendimento pastoral mais próximo do povo.

Pelo presente Decreto erigimos e canonicamente instituímos uma nova Paróquia nesta Diocese de Marabá, denominada Paróquia Cristo Rei, de acordo com o cânon 454 do Código de Direito Canônico. Localizada na rua 01, quadra Especial, bairro dos Minérios em Parauapebas-PA.

Nossa paróquia Cristo Rei iniciou com 8 comunidades, que pertencia as paroquias de São Sebastião e São Francisco, são elas:
Comunidade São Benedito, Comunidade Nossa Senhora de Nazaré, Comunidade Nossa Senhora de Lourdes, Comunidade Nossa Senhora do Carmo, Comunidade São Miguel Arcanjo, Comunidade Nossa Senhora Rainha da Paz, Comunidade Nossa Senhora do Rosário, Comunidade Nossa Senhora de Fátima.

E com o passar dos anos com a graças de Deus já foram criadas 5 novas comunidades, são elas: Comunidade Nossa Senhora das Graças, Comunidade Espirito Santo, Comunidade Santíssima Trindade, Comunidade Sagrado Coração de Jesus e Comunidade São José, agora nossa paróquia conta com 13 comunidades.




Nosso 1º Pároco é Padre Hudson Rodrigues, que deste  o inicio  da criação da paróquia  está a frente conduzindo os trabalhos pastorais, que Deus continue o abençoando e lhe conceda muitas graças para sempre alcançar os objetivos da paróquia com muita sabedoria.


Mais informações acesse o link

domingo, 11 de março de 2018

4º DOMINGO DA QUARESMA ANO B


O neste quarto Domingo da Quaresma, domingo da alegria.  A liturgia nos oferece propostas para uma nova vida – mais oração, mais sensibilidades ao irmão (esmola), mais domínio sobre os nossos impulsos.

São Paulo na segunda leitura nos ensina a reconhecer a graça de Deus em nós. Deus em sua misericórdia já nos salvou! Somos agraciados por Deus e muitas vezes não nos damos conta.

O Evangelho de hoje: “O julgamento é este – a luz veio ao mundo, mas os homens preferiram as trevas à luz, porque suas ações eram más. Quem pratica o mal odeia a luz e não se aproxima da luz, para que suas ações não sejam denunciadas”.  Jesus afirma que “quem pratica o mal odeia a luz e não se aproxima da luz” Para que isto não aconteça, precisamos estar sempre abertos à sua misericórdia que nos faz homens e mulheres novos.


Uma boa semana e continuemos como
nossa oração em preparação a páscoa.

domingo, 4 de março de 2018

3º DOMINGO DA QUARESMA ANO B


O terceiro Domingo da Quaresma nos leva a meditar sobre o essencial da proposta de Deus a nós, seus filhos e filhas. O livro do Êxodo (Ex 20,1-17) nos traz, na primeira leitura, um momento particular da história do povo de Deus. Deus se revela em todo o seu amor, presenteando a Comunidade caminhante com os dez mandamentos. Trata-se de uma aliança de amor entre o povo e Deus. Os dez mandamentos não são leis pesadas, mas orientações seguras para viver e construir a verdadeira liberdade.

Os dez mandamentos brotam do coração de Deus e se encarna em nossa realidade mostrando que, no coração do sonho de Deus, está a importância da vida, promovida e defendida sempre: “não matarás”.

No evangelho de João (Jo 2,13-25) Jesus no templo de Jerusalém mostra a oposição entre a enganação, a exploração, a mentira e o zelo pelas coisas de Deus, em uma proposta totalmente nova, quando o Senhor coloca seu corpo ressuscitado como o lugar perfeito, em que temos comunhão plena com o sagrado.


Uma boa semana e continuemos como
nossa oração em preparação a páscoa.

domingo, 25 de fevereiro de 2018

2º DOMINGO DA QUARESMA ANO B

Neste segundo Domingo da Quaresma, na 1 leitura Deus no põe à prova. Até que ponto o amamos acima de todas as coisas? Coloquemo-nos no lugar de Abraão por um momento e pensemos: qual tem sido nossa reação diante de Deus, quando Ele nos pede algo, e seja o que for?... Para Abraão, Deus pediu o único filho em sacrifício e pôde comprovar a fidelidade do coração daquele que seria um sinal da bênção divina para todos os povos.

No evangelho de Marcos (Mc 9,2-10), Jesus convida três discípulos - Pedro, Tiago e João, e os leva para um monte, lugar clássico de uma revelação importante. Aí o Senhor se transforma, se transfigura, diante deles e suas roupas ficaram brilhantes e tão brancas, aí aparecem Elias e Moisés – os profetas da lei, conversando com Jesus.


A transfiguração impressionou tanto os três discípulos que eles queriam permanecer aí - ‘‘ e Pedro disse: se quiseres vou fazer aqui três tendas: uma para Ti, outra para Moisés e outra para Elias’’ (Mc 9,5) -  desceu uma nuvem os encobriu e a voz do Pai nos alerta:  ‘‘ Este é o meu Filho  amado; escutai-o!’’ (Mc 9,7).


Uma boa semana e continuemos como
nossa oração em preparação a páscoa.