domingo, 5 de março de 2017

1º DOMINGO DA QUARESMA


"Jesus jejuou durante quarenta dias e quarenta noites e foi tentado" (Mt 4,1-11)

Iniciamos a caminhada rumo à Páscoa, centro de toda vida da Igreja. Na caminhada quaresmal desse ano, a estrada é batismal a partir do terceiro domingo, neste domingo, meditamos as tentações de Jesus e a tentação do homem.


Jesus está no deserto. Faminto e só, é a presa fácil da tentação. O homem e a mulher, felizes no paraíso, distraídos com a riqueza que lhes é oferecida buscam ter mais. São presas fáceis da tentação. Contudo a realidade humana e cristã não termina na queda do pecado, mas na vitória de Cristo. Em Jesus é abundante a redenção. Por mais que o pecado tenha suas garras penetradas em nosso coração, a graças de Cristo é muito mais forte, pois Ele venceu o mal. E nós somos vencedores nele.

A vigilância quaresmal é a busca incessante da força divina. Em Jesus, o inimigo é vencido; a vida e a graça divina vencem sobre a morte. Os exercícios quaresmais promovem, irrigam e estimulam a vida espiritual.

Uma boa semana e continuemos com
nossa oração em preparação a Páscoa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário