domingo, 2 de abril de 2017

QUINTO DOMINGO DA QUARESMA


A vida e a morte são colocadas uma ao lado da outra. Se em Deus, a vida vence a morte. Jesus é sinal vivo de Vida Eterna para todos. Por isso, doa a sua como amor eterno e insuperável. O Espírito Santo é dada ao mundo como sopro de vida nova para impulsionar e fecundar a fé da humanidade convertida.

A narrativa da ressurreição de Lázaro proclama o núcleo da vida e missão de Jesus: ser Vida e dar a Vida a todos. Ele dissera: “Eu vim para que todos tenham Vida e a tenha em abundância” (Jo 10,10).


Jesus esperou que Lázaro morresse. Ele poderia não tê-lo deixado morrer, mas quis mostrar que é Senhor da Vida. Essa vida é dada a quem tem fé. Marta crê na ressurreição após morte. Mas Jesus dá a vida agora “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, mesmo que morra, viverá. Todo aquele que vive e crê em mim não morrerá jamais. Crês nisso?” (Jo11,25-26). Marta responde: “Creio firmemente que Tu és o Messias, o filho de Deus que devia vir ao mundo” (Jo 11,27). Esse milagre de Jesus é prenúncio de sua Ressurreição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário